Calor-Umidade




Antes de entramos na discussão sobre o tema, eu gostaria de esclarecer algo sobre a natureza do calor-umidade. Nele, a umidade é o principal fator patógeno: a umidade é que é quente, não o calor que é úmido. Na verdade, seria um nome mais adequado Umidade-calor do que o inverso. Contudo, continuarei a chamar de calor-umidade pois é o termo de uso comum. Bom, isso quer dizer então que no tratamento devemos nos focar em resolver a umidade e não em apenas resolver o calor. Entretanto, obviamente fazemos uso de ervas “frias” para aliviar o calor.

Eu gostaria tambem de destacar que, de modo geral os livros e os acupunturistas chineses falam exageradamente em calor-umidade e raramente em umidade. Por exemplo, na China todo problema urinário é atribuído ao calor-umidade, quando na verdade vemos muitos problemas causados só pela umidade, sem calor. E muitos problemas causados pela estagnação ou depleção do Qi.

Da mesma forma, todos os problemas de Bexiga são atribuídos ao calor-umidade na Bexiga, porém tenho muitos pacientes com problemas na Bexiga, umidade na Bexiga, mas quase nunca Calor.

Discutirei sobre Umidade no contexto do Calor porque é um fator pagógeno muito comum em muitas doenças e com sintomas muito distintos.


ETIOLOGIA DA UMIDADE EXTERNA

Umidade pode se originar da umidade climática ou ambiental, portanto um clima úmido (frio ou quente) pode causa-la, assim como situções em que há muita umidade, como morar numa casa úmida, usar roupas úmidas, ficar muito tempo na piscina, trabalhar em lugares úmidos ou sentar em terra molhada.


SAZONALIDADE

A Umidade externa é mais comum no verão e especialmente entre o periodo de “Grande Calor” (nos 24 períodos do ano) e o “Período do Sereno Branco” - periodo dois meses antes do equinóceo do outono.


FATOR INTERNO – DIETA

A Umidade pode ser resultante do excesso de consumo de comida gordurosa, produtos à base de leite, doces, acúcar e comida crua. O Calor-úmidade também pode vir do excesso de bebidas alcólicas junto com o consumo de comidas gordurosas e fritas. A Umidade também pode ser consequencia de comer em demasia (da mesma maneira que a retenção de alimentos) ou de hábitos irregulares de alimentação.


ESFORÇO

O excesso de trabalho físico (incluindo esportes, academia, musculação, etc) pode enfraquecer o Baço-Pancreas e estimular a Umidade.


LESÂO DO BAÇO

Doenças crônicas podem enfraquecer o Baço.


CONSTITUCIONAL

Uma fraqueza constitucional do elemento Terra predispõe o indivíduo a deficiência de Baço e a Umidade. Por outro lado, individúos com tendências a excesso no elemento Terra (por exemplo, pessoas com tendência constitucional a calor no Estômago) podem ter calor no Estômago e Baço e esse se associar à Umidade.


CARACTERÍSTICAS DA UMIDADE

- é pegajosa
- é difícil se livrar dela
- é pesada
- deixa as coisas mais lentas
- flui para baixo
- causa ataques repetitivos
- é lenta

Quando a umidade exterior invade o corpo, tende a invadir a parte inferior primeiro,tipicamente as pernas. A partir daí, pode subir pelo canal da perna e se instalar em qualquer órgão da pelve. Se ficar instalada nos genitais feminos causar corrimento vaginal, se for no intestino causa diarréia, se for na bexiga, causará dificuldades, aumento de frequencia e queimação ao urinar. Contudo, também é comum se instalar na cabeça e causar sinusite, por exemplo.

As manifestações clínicas são muito variáveis de acordo com a localização e sua natureza (calor ou frio). As mais comuns são:

- sensação de peso no corpo ou cabeça
- falta de apetite
- sensação de plenitude no tórax ou abdome
- língua grudenta
- corrimento
- saburra pegajosa
- pulso macio ou deslizante

De acordo com a localização, as manifestações de umidade interna são:

- Cabeça: sensanação de peso
- Olhos: inchados e vermelhos, lacrimejantes, terçol
- boca: aftas e lábios inchados
- Estômago e Baço: sensação de cheio, sensação de empanzinamento após as refeições, boca pegajosa, diarréia, falta de apetite e pulso macio.
- Aquecedor Inferior: corrimento vaginal, menstruação dolorosa, infertilidade, urina escura, micção dolorosa e difícil, suor e prurido escrotal, coceira nos genitais.
- Pele: papulas (umidade-calor com mais calor), vesículas (umidade sem calor), pustulas (umidade com calor tóxico), suor oleoso, furúnculos, feridas com secreção líquida, coceira com “aguinha”, bolsa em baixo dos olhos.
- articulações: inchaço dolorido (sindrome Bi)
- Canal Lo: sensação de peso e dormencia.

A figura 1 ilustra a classificação da Umidade.


FUNDAMENTOS DO TRATAMENTO PARA UMIDADE
Existem muitos tratamentos posíveis quando se fala de Umidade, depende de sua natureza (Calor ou Frio) e de sua localização. Falarei apenas dos três princípios mais comuns: drenar a umidade pela urina com uso de ervas, resolve-la pelo sistema digestório e muscular através de suor com ervas aromáticas e secar a Umidade com ervas amargas-frias.
As tabelas abaixo exemplificam o tratamento com evas.
Tabela 1: Ervas naturais e fórmulas que eliminam Umidade pela urina.

Tabela 2: Ervas aromáticas e picantes e fórmulas para Umidade no Sistema Digestório e Muscular para provocar a sudorese.
Tabela 3: ervas amargas-frias para secar a Umidade.


RESUMO DE SABORES/TEMPERATURA E EFEITOS

Drenar a Umidade pela urina (FU LING)
Dissipar a Umidade pela sudorese (CANG ZU)
Secar a Umidade (HUAN QIN)




Umidade-calor deveria ser discutida separademente do Calor pois ela é um fator patógeno que causa uma variedade imensa de problemas, e é um fator patógemo importante pois ela pode sozinha se tonar causa de doença. De fato, a Umidade não apenas bloqueia o fluxo do Qi causando mais umidade, como o Calor também seca os líquidos corpóreos, convertendo-os em mais umidade. E ainda, o calor desta Umidade (se for forte) pode agredir o Yin.



CARACTERISTICAS DO CALOR-UMIDADE

Acima, falei sobre as características da Umidade sozinha, agora falarei da Umidade-Calor.

1) Sazonalidade
Prevalece no Verão, até em paízes em que o verão não é quente, mas existe umidade no clima. A Umidade-calor climática aumenta condições pré-existente de umidade-calor interiores (ex.: problemas urinários e bexiga, síndromes Wei, problemas intestinais, etc).

2) Duração prolongada
A Umidade-calor é duradoura. O Calor contido nesta umidade prolonga o problema pois transforma os fluidos corporais em umidade.

3) Origina o Fleuma
Umidade-calor facilmente estimula o fleuma e Fleuma-calor porque o Calor pode condensar os fluidos em fleuma.

4) Manifesta-se em sintomas complexos
Por causa da combinação da Umidade com o Calor, vários sintomas contraditórios podem aparecer. Por exemplo, o paciente pode se sentir calorento, mas a pele estar gelada ao toque ou estar com os pés gelados. Ou o paciente se sentir com frio mas ficar com calor muito facilmente. Pode ter a sensação de calor mas o pulso estar lento ou o inverso. Pode haver a sensação de estar com muita sede (por causa do Calor) mas ter aversão a água (por causa da umidade). Os intestinos podem estar soltos (Umidade) mas as fezes secas (Calor).

5) Umidade-Calor pode atacar o Yin
O Calor, parte da Umidade-calor, se for predominante pode atacar o Yin, que levará a uma situação de manifestações clínicas muito mais complexas, ex: o paciente ter sintomas claros de Umidade-calor e não ter saburra na língua.

6) Umidade-calor é tóxica com frequencia (Calor tóxico)
Ela pode gerar o calor tóxico, que é caracterizado por calor, suor, inchaço, dor e em geral pus. Uma infecção na pele por bactéria que causa pústulas, é exemplo de calor tóxico.

7) Umidade-calor facilmente ataca o Estômago e o Baço-Pancreas
Logicamente a umidade sozinha ataca o Estomago e o Baço, mas associada ao calor, ataca ainda mais, pois a umidade tende a atacar o Baço enquanto o Calor tende a lesar o Qi e o Yin do estômago.


SINTOMAS DE UMIDADE-CALOR

Os sintomas abaixo são um resumo da Umidade-calor. Alguns sintomas, como febre fraca ou febre no fim da tarde não são tão comuns e só aparecem quando o Calor está mais pronunciado.

Pele oleosa, letargia, dor muscular, suor noturno, febre fraca, sensação de calor, corpo quente ao toque, febre à tarde (raro), pouco apetite, opressão no epigástrio, sensação de corpo e cabeça pesados, nausea, vômitos, distenção abdominal, boca grudenta, sede sem vontade de beber água, urina turva, pouca urina e escura, dificuldade na miccção e fezes pastosas com cheiro forte.

Existem muitos problemas de pele que são uma manifestação da Umidade-calor, por exemplo, espinhas e eczema. São três, as principais erupcoes cutaneas a ser consideradas: papulas, vesículas e pústulas.


PÁPULAS

Pápulas são avermelhadas e protuberantes. Podem ser indicação de Calor-umidade ou de apenas Calor. Espinhas, herpes e eczema são exemplos de Calor-umidade.



VESÌCULAS

Vesículas também são protuberantes mas não são vermelhas e são preenchidas por um líquido claro. Um exemplo de vesículas são as bolhas que aparecem na catapora.


PÚSTULAS

Pústulas são como vesículas, só que vermelhas e cheias de pus. Acnes podem ser pustulentas se estiverem grandes, vermelhas e doloridas.

Muitos sinais indicam Calor-umidade, como erupções na pele com secrecção, olhos inchados e doloridos, terçóis, olhos lacrimejantes, aftas.

As imagens seguintes são exemplos de Calor-umidade.










A figura abaixo é um exemplo de Calor-umidade com calor tóxico.




Quando diagnosticamos Calor-umidade devemos diferenciar a prevalencia de calor ou a de umidade, pois faz diferença no tratamento. Quando a Umidade predomina, utilizamos ervas neutras ou picantes e aromáricas na fórmula. Se o Calor for predominante, as ervas devem ser amargas-frias.

As ilustrações a seguir mostram a diferença da predominancia de Umidade ou de Calor no Calor-umidade.


PREVALENCIA DA UMIDADE

Febre, sensação de calor, suor pegajoso, pele oleosa, rosto amarelo-pálido, sensação de peso nos olhos e cabeça, gosto adocicado e pegajoso na boca, ausencia de sede, preferencia por líquidos quentes, fadiga, preferencia por ficar deitado, sensação de opressão no peito, tendência ao isolamento, não se irrita, falta de apetite, fezes com muco ou aquosa, urina turva, língua com saburra branca ou amarela pegajosa, pulso lento, fraco-flutuante.


PREVALENCIA DO CALOR

Febre ou sensação de calor, pele não oleosa, rosto avermelhado, olhos levemente vermelhos, tonturas, dor de cabeça, gosto amargo na boca, falta de desejo de beber água, irritalbilidade, insônia, fome mas sem vontade de comer, constipação, pouca urina e escura, língua toda vermelha ou as laterais, saburra amarela e pastosa, pulso rápido e fraco-flutuante ou rapido e duro.


TRATAMENTO DA UMIDADE COM ACUPUNTURA

Na acupuntura, quando tratamos Calor-Umidade, temos que nos concentrar em remover ou resolver a Umidade. Para fazer isso, estimulo o movimento, a transformação e a excreção dos fluidos em cada um dos três aquecedores, usando os seguintes pontos:

- Aquecedor Superior: VG 26 Shuigou, P 7 Lieque, IG 4 Hegu, IG 6, Pianli, TA 4 Yangchi, TA 6 Zighou, VC 17 Shanzong.
- Aquecedor Médio: VC 9 Shuifen, VC 12 Zhongwan, E 22 Guanmen, VC 11 Jianli.
- Aquecedor Inferior: E 28 Shuidao, B 22 Sanjiaoshu, VC 5 Shimen, B 39 Weiyan, BP 9 Yinlingquan, BO 6 Sanymjiao, R 7 Fuliu.

Por exemplo, para tratar Umidade no Aquecedor Inferior, eu usaria vários pontos da lista acima do Aquecedor Inferior e também alguns do Médio e Superior, como o VC 5, B 39, BP 9, B 22 (Aq.Inferior) mais P 7 (Aq. Superior) e VC 9 (Aq. Médio).

Agora vou listar os padrões mais comuns de Calor-Umidade nos Zhangfu e seu tratamento.


CALOR-UMIDADE NO BAÇO-PANCREAS

Manifestações clínicas:
sensação de estufamento, no epigastrio ou no baixo abdome, dor abdominal, falta de apetite, sensação de peso no corpo, sede mas sem vontade de beber água, nausea, fezes pastosas com odor muito forte, sensação de queimação no ânus, sensação de calor, pouca urina e escura, febre baixa, cefaléia fraca com sensação de peso na cabeça, compleição amarelada, esclera ligeiramente amarela, suor oleoso, gosto amargo na boca, prurido na pele ou erupções (pápulas ou vesículas), se houver febre e suor isso não alivia a febre e não exterioriza o calor.
Língua: vermelha com saburra amarela e pegajosa.
Pulso: escorregadio e rápido.

Acupuntura:
BP 9 Yinlingquan, BP6 Sanynjiao, VG 9, Zhiyang, IG 11 Quchi, B 20 Pishu, VB 34 Yanglingquan, VC 9 Shuifen, VC 11 Jianli, E 22 Guanmen, E 28 Shuidao, B 22 Sanjiaosh.

Fitoterapia:
Lian Po Yin, decocção de Coptis-Magnolia.


CALOR-UMIDADE NO FIGADO

Manifestações clínicas:
Plenitude no hipocondrio, abdomem ou hipogástrio, gosto amargo na boca, pouco apetite, náusea, sensação de corpo pesado, corrimento vaginal amarelado, prurido vulvar ou eczema e feridas, menstrução fora do ciclo (dolorosa ou não), vermelhidão e sudorese ou coceira com feridas no escroto ou pênis, dificuldade, queimação na micção, urina escura.
Língua: avermelhada com as laterais mais avermelhadas, saburra amarela e pegajosa.
Pulso: escorregadio, rápido e duro.

Acupuntura:
F 14 Quimen, VB 34 Yanglingquan, VC 12 Zhongwan, VC 9 Shuifen, BP 9 Yinlingquan, B 18 Ganshu,

Fitoterapia:
Long Dang Xie Gan Tang, decocção Gentina secando o fígado.


CALOR-UMIDADE NA VESÌCULA BILIAR

Manifestações clínicas:
Dor no hipocondrio, sensação de empanzinamento e distensão abdominal, nausea, vomito, problemas para digerir alimentos gordurosos, compleição amarelada, pouca urina e escura, febre, sede sem desejo de beber água, gosto amargo na boca, tonturas, zumbidos, dormência nas pernas, irritabilidade, sensação de peso no corpo, suor nos pés, fezes alteradas (soltas ou presas), alternância da sensação de calor e frio, esclera amarelada.
Língua: thick-sticky saburra amarela,
Pulso: rápido, escorregadio e duro.

Acupuntura:
VB 24 Riyue, F 14 Qimen, VC 12 Zhongwan, VB 34 Yanglingquan, Ponto extra Dannangxue, VG 9 Zhiyang, B 19 Danshu, B 20 Pishu, IG 11 Quchi, TA 6 Zhigou, E 19 Burong.

Fitoterapia:
Yin Chen Hao Tang, decocção de Artemisia capillaris


CALOR-UMIDADE NO FÍGADO E BEXIGA

Manifestações clínicas:
Sensação de plenitude no hipocondrio, abdomem ou epigástrio, gosto amargo na boca, pouco apetite, náusea, sensação de corpo pesado, corrimento vaginal amarelado, prurido vaginal, eczema vulvar ou feridas, menstruação irregular podendo ser dolorosa, vermelhidão e suor na bolsa escrotal ou genital, alterações na pele como pápulas, vesículas, feridas ou coceira, dificuldade para micção, queimação ao urinar, urina escura, dor no hipocondrio, febre, compleição e olhos amarelos, vomitos.
Língua: avermelhada com as laterais mais vermelhas, saburra amarela nas laterais.
Pulso: deslizante, duro e rápido.

Acupuntura:
F 14 Qimen, VB 24 Riyue, VB 34 yanglingquan, B 18 Ganshu, B 19 Danshu, VG 9 Zhiyang, VC 12 Zhogwan, BP 9 Yinglingquan, BP 6 Sanyinjiao, BP 3 Taibai, IG 11 Quchi, F 2 Xingjian, F 3 Taichong.

Fitoterapia:
Long Dan Xie Gan Tan, decocção de Gentiana pra drenar o fígado.


CALOR-UMIDADE NO ESTÔMAGO

Manifestações clínicas: sensação de dor de empazinamento no epigástrio, sensação de corpo pesado, dor no rosto, nariz entupido ou secreção nasal, sede sem vontade de beber água, náusea, sensaçao de calor, compleição amarelada, sensação de boca pegajosa e aftas.
Língua: vermelha com saburra amarela e com aspecto grudento.
pulso: deslizante e rápido.

Acupuntura:
E 44 Neiting, E 34 Liangqiu, E 21 Liangmen, VC 12 Zhongwan, VC 13 Shangwan, IG 11 Quchi, IG 4 Hegu, VC 11 Jianli, E 25 Tianshu, E 40 Fenglong, BP 9 Yanlingquan, VC 9 Shuifen.

Fitoterapia:
Lian Po Yin, decocção de Coptis-Magnolia.


CALOR-UMIDADE NO INTESTINO DELGADO

Manifestações clínicas: fezes pastosas ou diarréia com muco, dor e plenitude abdominal, agitação mental, pouca urina e escurecida, queimação ao urinar e urina com sangue.
Língua: Vermelha com a ponta mais vermelha ainda e inchada, saburra amarela.
Pulso: Cheio-rápido, especialmente na posição frontal. Na existência de sintomas urinários o pulso poderia ser duro na última posição esquerda.

Acupuntura:
E 25 Tianshu, E 37 Shangjuxu, E 39 Xianjuxu, E 28 Shuidao, BP 9 Yinlingquan, B 27 Xiaochangshu

Fitoterapia:
Bai Tou Wen Tang – decocção de Pulsatilla


CALOR-UMIDADE NO INTESTINO GROSSO

Manifestações clínicas: dor abdominal que não melhora com a evacuação, diarréia, muco e sangue nas fezes, odor exagerado nas fezes, sensação de calor, sede sem vontade de beber água, senação de corpo ou pernas pesadas.
Língua: vermelha com saburra amarela e pegajosa.
Pulso: delsizante e rápido

Acupuntura:
BP 9 Yinglingquan, BP 6 Sanyinjiao, B 22 Sanjiaoshu, E 25 Tianshu, E 27 Daju, VC 6 e B 25 Dachangshu, IG 11 Quchi, VC 12 Zhongwan, E 37 Shangjuxu, B 20 Pishu

Fitoterapia:
Ge gen Qin Lian Tang – decoccção de Pueraria-Scutellaria-Coptis
Bai tou Wen Tang decocção de Pulsatilla
Shao Yao Tang, decocção de Paeonia


CALOR-UMIDADE NA BEXIGA

Manifestações clínicas:
Necessidade urgente e frequente de urinar, sensação de queimação ao urinar, micção dificil (parar no meio do processo), urina turva e/ou amarela, sangue na urina, febre, sede sem vontade de beber água, dor e sensação de “cheio” no hipogástrio, sensação de calor.
Língua: saburra amarela e pegajosa no fundo da língua e pontos vermelhos.
Pulso: rápido-escorregadio ou levemente duro na última posição esquerda.

Acupuntura:
BP 9 Yinglingquan, BP 6 Sanynjiao, B 22 Sanjiaoshu, B 28 Pangguangshu, VC 3 Zhongju, B 63 Jinmen, B 66 Tonggu, E 28 Shuidao.

Fitoterapia:
Ba Zhen Tang, “Oito Pérolas” em pó.


A LINGUA NO CALOR-UMIDADE

A Umidade se manifesta principalmente por meio da saburra e o Calor, por meio da cor. Portanto, o Calor-umidade se manifesta com saburra amarelada e pegajosa e língua vermelha. Quanto mais calor, mais vermelha a língua será, e quanto mais umidade, mais aspecto de pegajosa a saburra terá.


  







Nenhum comentário:

Postar um comentário